“A História de Deus”

National Geographic estreia terceira temporada de “A História de Deus”, com Morgan Freeman.

Depois de percorrer quase 120.000 km e visitar 30 cidades, a série indicada ao Emmy retorna com produção executiva de Morgan Freeman, Lori McCreary e James Younger, da Revelations Entertainment.

Estreia no sábado, 27 de abril, às 22h30, na National Geographic e simultaneamente no Nat Geo App, para assinantes.

Quem é o diabo? De onde vêm as visões? Os rituais nos aproximam de Deus? Como lutamos contra o pecado? A National Geographic explora as formas pelas quais a humanidade tem buscado e recebido fé ao longo da história na terceira temporada da série indicada ao Emmy, “A História de Deus”.

A partir de sábado, dia 27 de abril, às 22h30, Morgan Freeman retorna à National Geographic com viagens para os cantos mais remotos do mundo para visitar alguns dos lugares mais sagrados da humanidade. Com um novo episódio por semana, ele vai explorar as diferentes formas em que a espiritualidade e a transformação estabelecem uma conexão com o divino, para mostrar como a nossa busca da presença de Deus tem determinado nossa história comum, nossa cultura, nossas crenças e até mesmo nosso comportamento individual.

“A História de Deus” convida os espectadores a uma viagem inter-religiosa pelo mundo, visitando trinta cidades de importância histórica e antropológica, entre as quais Jerusalém, Katmandu, Jericó, Roma, Belém, Paris, Prada, Hanói, Toronto e Lourdes.

Os cineastas da série percorreram mais de 80.500 kms no total, o que equivale a circunavegar o globo duas vezes, e encontraram treze especialistas em religião, oito sacerdotes, três druidas, três xamãs, um imã, um rabino, um ex-carrasco, uma freira, duas deusas vivas e centenas de monges.

A série apresenta uma visão abrangente das religiões praticadas no mundo, explorando práticas que remontam a milhares de anos, bem como novas denominações fundadas há menos de cem anos e entrevistas com crentes de muitas religiões, entre as quais eles encontram cristãos, judeus, pagãos, druidas, muçulmanos, hindus, jainistas, animistas, budistas e agnósticos.

Cada um dos seis episódios da nova temporada se centram em uma questão diferente sobre a relação do humano com o divino:

  • A busca pelo diabo: Quem é o diabo? Um Deus? Um anjo caído? Ou um desejo natural que todos temos dentro de nós? Que papel o diabo tem na determinação de nossa fé?
  • Deuses entre nós: Existem pessoas que personificam o divino? Elas são escolhidas por Deus? O que as torna diferentes? Que papel elas cumprem em nossa conexão pessoal com Deus?
  • Visões de Deus: A maioria das religiões tem histórias de visões, mas de onde vêm essas visões? Qual o propósito que elas cumprem? O que elas têm em comum?
  • Pecados capitais: Como encaramos a realidade de que todos somos propensos ao pecado? Como lutamos contra a tentação? O pecado é uma parte natural da experiência humana ou uma escolha consciente?
  • Os Mandamentos: Por que os Dez Mandamentos tinham um poder tão grande nas sociedades judaico-cristãs? O que os mandamentos têm em comum com as normas e proibições de outras religiões do mundo?
  • Segredos divinos: Por que segredos e a religião estão frequentemente interligados? Os rituais se aproximam do divino?

As câmeras da National Geographic visitam alguns dos lugares mais sagrados do mundo, incluindo a capela de Lourdes, onde milhares de crentes afirmam terem sido curados pelas águas de sua fonte; a Basílica da Natividade em Belém, onde os fiéis acreditam que Jesus nasceu; a antiga cidade de Pérgamo na Turquia, onde se diz que o trono de Satanás está localizado; a espetacular e bem preservada Villa dos Mistérios, em Pompeia (Itália); o maciço montanhoso de Gheralta, na Etiópia, onde os sacerdotes coptas cristãos escalam uma montanha para chegar a uma antiga caverna; o templo do palácio dos Kumari, no Nepal; e Tel Megiddo, um sítio arqueológico que contém uma das mais antigas referências conhecidas a Jesus Cristo como Deus.

Acompanhe as novidades do NATIONAL GEOGRAPHIC nas redes sociais:

Para mais informações, acessar nationalgeographicbrasil.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: