“Boas intenções” estreia no cinema

BOAS INTENÇÕES‘, QUE ESTREIA EM 4 DE JULHO, GANHA TRAILER 
Longa francês dirigido por Gilles Legrand e protagonizado por Angès Jaoui está na seleção do Festtival Varilux de Cinema Francês.

“BOAS INTENÇÕES”, que será exibido no 10º Festival Varilux de Cinema Francês, realizado de 6 a 19 de junho, acaba de ter seu trailer divulgado. A estreia em circuito comercial é em 4 de julho, com distribuição da Pandora Filmes.   

Dirigido por Gilles Legrand e estrelado por Agnès Jaoui e Alban Ivanov, o filme transita entre a comedia e o drama.

“Eu não queria fazer um drama social. Para que pudéssemos rir, tivemos que brincar com os clichês e tornar os personagens cativantes.

Queria uma comédia agridoce e acho que conseguimos”, explica o diretor. E completa: “Agnes é a atriz ideal para esse papel.

Ela tem a imagem de uma mulher generosa e comprometida, com ideias progressistas, ao mesmo tempo em que tem a capacidade de tirar sarro de si mesma”.  

O longa acompanha Isabelle, uma mulher de 50 anos, com dois filhos e casada com um ex-refugiado bósnio.

Ela é voluntária em diversas instituições de caridade, como professora de francês. Apesar de seu trabalho voltado ao próximo, Isabelle muitas vezes impõe seu ponto de vista, o que gera desentendimento com o diretor do centro social onde trabalha.  

Ao perceber que seus alunos precisam de ajuda para passar no exame de licença de habilitação, ela decide estabelecer uma parceria com uma autoescola e conta com a ajuda de um atrapalhado instrutor.

Enquanto se dedica ao voluntariado, sua família passa a demandar mais atenção. Cansados de serem colocados em segundo plano, seu marido e filhos querem receber o mesmo carinho e atenção que ela distribui aos outros.   

Para o diretor, “o filme levanta a questão da necessidade ou motivação da doação: qual é o motor daqueles que se engajam? Eu não acredito em altruísmo puro. Acho que todos nós sentimos culpa, temos deficiências emocionais ou razões mais complexas. No caso de Isabelle, ela precisa de amor”.   

“Acredito que o cinema pode gerar consciência. Espero que “BOAS INTENÇÕES” retrate personagens humanos e dê esperança de que o mundo pode se mover na direção certa. Porque nossa Isabelle, apesar de todas as falhas, consegue fazer a diferença. Espero que ela inspire o público”, finaliza Legrand.   

SINOPSE 


Sempre envolvida em uma série de trabalhos humanitários e causas sociais, Isabelle atua como professora de francês para imigrantes.

Ao descobrir que seus alunos na realidade precisam de uma licença de habilitação, ela decide ajudá-los a passar na prova.

Ao mesmo tempo, precisa lidar com a própria família que reivindica mais atenção.  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: